fechar

Resumo de novelas

MENU



Eta Mundo Bom! Tudo sobre a reta final da novela

por: Redação em Matérias especiais de novelas
na data: 25/08/2016 | 15:08

Anastácia aprova o casamento de Filomena e Candinho

Finalmente o casal se acerta e recebe a benção de Anastácia para que se casem. Depois de uma conversa franca com Filomena, Anastácia decide deixar o passado da ex-dançarina pra trás a aprovar o casamento dela e do filho.

Candinho leva a futura esposa e o filho para a cidade depois que Anastácia consegue reaver na justiça o controle sobre sua fortuna, no entanto Filomena fica com medo dos burburinhos e decide se hospedar em uma pousada. Candinho não desiste e resolve marcar um encontro entre o grande amor da sua vida e sua mãe.

Quando se encontram, Anastácia diz que já conhece o passado da moça: 'Foi casada com um homem que podia ser seu avô. Não nego que isso dá a impressão de ter sido interesseira. Sei também que trabalhou no Dancing".

Veja também: resumo da semana da novela Eta Mundo Bom.

A moça então explica os motivos que a levaram a sair da roça: "Pior. Fugi da fazenda quando Candinho foi expulso. Eu o amava, mas pensei que não iria mais encontrá-lo. Ernesto apareceu, encantou-me com sua lábia".

Depois da conversa Filomena pergunta se Anastácia a aceita como sua nora:

"Importa o que vem pela frente. Promete ser uma boa esposa para meu filho?", diz a empresária. "A melhor, dona Anastácia. A melhor!", responde Filó, que ganha um abraço terno da sogra.

Débora Nascimento em cena de Eta Mundo Bom
Débora Nascimento em cena de Eta Mundo Bom

Sandra sequestra filho de Candinho

Sandra e Ernesto sequestram o bebê de Candinho e deixam claro que não terão medo de fazer o pior com a criança. Elas levam o bebê e Filomena para um cativeiro onde não tem sequer um berço e ao escutar a criança chorando Sandra esbraveja para Ernesto "Ponha essa coisa aí no cesto", gritará ao bandido. "Trate de cuidar desse bebê. Odeio choro de criança".

Nas cenas que vão ao ar na até sexta-feira, dia 19 de agoto, Filomena está a caminho da igreja, já vestida de noiva quando percebe que está sendo raptada. No meio tempo, Clarice, que também está no carro, conseguira escapar e avisará Candinho e Anastácia que a amiga e o bebê estão em apuros.

Enquanto tudo isso acontece, Cara de Cão estaciona em frente a um casebre e manda Filomena descer. "Pensou que ia se casar, viver feliz, enquanto eu e Ernesto ficaríamos sem nada?", dirá a loira. "Sandra, como pôde fazer isso? Em vez de impedir meu casamento, ainda tem tempo de voltar atrás. Peça perdão à dona Anastácia. Sua tia é generosa", dirá Filomena.

A caipira se assustará com a pobreza do casebre mas Sandra mostrará que há pelo menos comida nos armários. "Mamadeiras e fraldas para seu filho. Arrumamos estes vestidos também. Não sei quanto tempo passará conosco" dirá a loira que tem a intenção de pedir uma fortuna de resgate por Filomena e pelo Bebê.

Ela deixa claro ainda que quando receber o resgate, deixará a criança em um orfanato no fim do mundo para que Candinho não a encontre nunca.

Araújo volta a trabalhar na fábrica

Na reta final de Eta Mundo Bom, Araújo consegue sair da cadeia e vai pedir que Anastácia o empregue na fábrica novamente. Depois de assumir no tribunal que participou da trama para roubar a sua fortuna, ele se encontra novamente com a ex-patroa:

- Eu preciso trabalhar. Ninguém há de me dar emprego, agora que tenho um processo nas costas - dirá o pai de Cláudio.

- Eu confiava no senhor e roubou-me. Mesmo assim quer o emprego de volta? - questionará a mãe de Candinho.

Celso, que também estará no local, pedirá para falar com Anastácia e intercederá pelo rapaz:

- Titia, o doutor Araújo cometeu muitos erros, sim. Mas eu trabalhei na fábrica ao lado dele. Sei o quanto pode fazer pela Aroma. Eu gostaria de tê-lo ao meu lado agora, que estou sozinho na fábrica.

Anastácia aceitará com uma ressalva:

- Jamais voltará a me trazer qualquer documento para assinar. Nem será responsável por essa parte. Celso cuidará de tudo isso. O senhor não terá mais minha procuração, Celso a terá. Se der um passo fora da linha, por mínimo que seja, eu o boto para fora, e dessa vez, sem chance de voltar.

Sandra decide ficar com filho de Candinho como refém

Não satisfeita em apenas sequestrar a criança, Sandra decide não entregar o bebê após o pagamento do resgate. Ela exigirá que Anastácia pague uma fortuna em troca da liberdade de Filomena e da criança, mas decidirá ficar com o filho de Candinho mesmo depois do pagamento.

Os plano da vilã serão revelados em uma cena de conversa entre ela e seu comparsa Ernesto, onde ambos combinarão os detalhes do golpe. Ela explicará a ele que Anastácia aceitou pagar o resgate mas que ela não pretende cumprir com a sua parte.

"Não vamos devolver no momento da entrega do dinheiro. Pode haver uma armadilha", explicará a loira, que mandará ainda que o vigarista apresente um mapa falso do local do cativeiro. "Falso? O melhor seria entregar um mapa daqui. Não voltaremos mais a este lugar, depois de pegarmos o dinheiro", estranhará Ernesto.

Sandra contará então que tem a intenção de ficar no mesmo lugar em que Filomena está para que os dois se encontrem e fujam juntos. "Aí é que está. Voltará sim, para me buscar. Mesmo que não voltasse. Ernesto, nós até podemos devolver Filomena. Mas o filho de Candinho, nunca", dirá.

Apesar de achar o plano da vilã estranho, Ernesto concordará depois de ela explicar que a criança é a garantia deles. "Nós vamos receber o dinheiro, mas não vamos devolver o bebê ranhento. O filho de Candinho será nosso refém", concluirá ela.

Mafalda finalmente conhece o "cegonho"

No último capítulo de Eta Mundo Bom Mafalda abandonará Romeu no altar e decide se casar com Zé dos Porcos. Ela vai devolver o anel de novado para Romeu e admitirá que sempre amou o criador de porcos. Sem perder tempo os dois aproveitam que a cerimonia já está organizada e oficializam ali mesmo a união. Finalmente a caipira vai conhecer o 'cegonho'.

A moça decide desistir do casamento depois de ouvir Sarita contar sobre as armações de Conegundes para separá-la de Zé dos Porcos:

"Romeu, eu devorvo us aner i as pursera cara qui ocê deu. Num podo casar cum vosmecê. Num havia di ser boa esposa. Eu amo otro", falará, apontando para Zé dos Porcos. "Você há de me trocar pelo Zé dos Porcos?!", perguntará Romeu, indignado. "Já troquei. Eu num caso cum vosmecê. Pronto", responderá a caipira. "Nunca passei tanta vergonha na vida. Agora sou eu que não caso com você, Mafalda", reagirá ele, abandonando o altar.

No mesmo instante Zé dos Porcos se oferece para tomar o lugar do noivo. "Mais eu casu. I casu é já", falará ele. Mas o padre decide não realizar a cerimônia. "Eu já tô di vestido di noiva! Mais num é só pelos vestido. Eu num guento mais esperar pra conhecer u cegonho", pedirá Mafalda.

"Seu padre. Casa ela mais u Zé dus Porco, pelas honra di minha subrinha", pedirá Eponina. O padre resolverá atender ao pedido e realizar o casamento de Mafalda e Zé dos Porcos. 'Mafarda, vosmecê aceita casar mais José Francisco Leitão?", perguntará. A garota aceitará e, em seguida, será a vez do pecuarista. "Preu nem pricisa fazê as pergunta. Tá aceitadu! Ara! É u maió sonhu da vida deu!", dirá ele.

Depois da cerimonia os dois logo partem para a lua-de-mel, onde terão sua primeira noite de amor e Mafalda finalmente conhecerá o 'cegonho'.


Comentários
TOPO